04 dezembro 2013

A Portela e o seu Partido Socialista

Em 21 de Novembro realizou-se uma Assembleia Geral de Militantes da Secção do PS da Portela. Esta sessão foi realizada na Secção do PS de Moscavide e tinha o objectivo de dar a conhecer as alterações que iriam ocorrer ao nivel das Secções das Freguesias que se transformaram em "União de Freguesias". Nessa Assembleia os militantes foram informados que a partir do próximo ato eleitoral, que se realizaria no dia seguinte, só haveria uma Secção do PS que agregaria as secções da Portela e de Moscavide. A fusão de Secções, pelo que foi transmitido pela FAUL decorre de uma obrigatoriedade dos Estatutos do PS, que não permitem a existência de mais do que uma Secção em cada Freguesia. O objectivo era que os militantes da Secção da Portela pudessem ficar a par das alterações que iriam ocorrer ao nível das Secções, designadamente das Secções nas Freguesias que foram transformadas em "Uniões de Freguesias". O que a FAUL entende, no caso da Portela é que, os elementos da Secção podem continuar a reunir informalmente, mas apenas como um grupo de militantes que reside na mesma zona. No caso de Secções que serão agrupadas e onde existe uma sede aberta ao público, a FAUL permite que essas instalações continuem a funcionar que não é o caso da Portela. O Secretariado da Portela entendeu não apresentar nenhuma lista para os novos órgãos, embora entenda que seja importante que a actual Secção esteja representada pelo menos no novo Secretariado. Todos os presentes partilharam a opinião contra esta agregação de Secções imposta pelo PS, tanto mais que a posição oficial do PS é contrária à agregação de Freguesias imposta pelo actual Governo, tendo o Secretário Geral inclusivamente afirmado que a anularia quando fosse Governo.

Etiquetas:

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial