05 fevereiro 2010

Não é preciso madrugar para comprar peixe bem fresco, porque há uma empresa que o faz por si. E ainda vai a casa entrega-lo.

http://www.timeout.pt/images_content/Comergrande102.jpg


Miguel Zegre é de Sesimbra. Mas quando foi para a faculdade sentiu que em Lisboa “havia falta de peixe fresco de qualidade”. Foi aí que decidiu arranjar ele mesmo uma solução: criar uma empresa que fosse buscar o peixe à lota de Sesimbra e o entregasse em casa das pessoas. Juntou-se a Manuel Cardoso (um amigo de infância, ligado à pesca há 30 anos) e em 2006 lançaram-se neste projecto.
Hoje, já são 27 as variedades de peixe à escolha do freguês. Sardinha, tamboril, linguado, dourada, robalo, choco e por aí fora. A grande diferença é que nesta loja não existem bancas como no mercado, apenas uma montra online:
www.peixefresco.com.pt. Esqueça a parte de acordar cedo, ter de ouvir as peixeiras aos berros ou voltar para casa com a roupa impestada daquele perfumezinho eau de lota. Nada disso: com a empresa que esta semana lhe falamos, só tem de escolher, encomendar e esperar que o peixe lhe toque à campainha.
E como é que funciona? O cliente escolhe o peixe que quiser e faz a encomenda no site ou por telefone até quinta-feira. Depois recebe-o em casa na sexta ou sábado, sem pagar mais pelo transporte. Com uma garantia: vem todo da lota de Sesimbra e foi sempre pescado no máximo 24 horas antes de chegar à sua porta. Quer que venha já arranjado? Sim senhor, é só indicar no pedido e será feita a sua vontade. E os preços, perguntamos nós, estão ao nível dos de um hipermercado? Miguel Zegre responde: “Na maior parte das vezes os nossos até são inferiores. Mas só trabalhamos com peixe nacional, por isso nem sempre os produtos são comparáveis”. O site mostra o preço da unidade ou do quilo (e indica o peso médio de cada peixe). Por exemplo: dez carapaus custam 4€, uma garoupa de três quilos custa 57€, um quilo de filetes de peixe-espada preto 14€. Marisco e bivalves ainda não constam da lista, mas é uma hipótese que os sócios não descartam.
Com o corrupio do dia-a-dia alfacinha, em que arranjar tempo para ir às compras é uma aventura e a qualidade do peixe que se encontra nem sempre é a ideal, não admira que o negócio vá de vento em popa. Ao terceiro ano de vida, ainda não têm concorrência. “É um serviço exclusivo nosso”, dizem, cheios de orgulho.
O número de pessoas registadas no site já ronda as mil, clientes fixos são 300 e as encomendas caem a uma média de 50 por semana. Em três anos só tiveram três devoluções “e não foi pela qualidade, mas pela forma como o peixe ia preparado. Por exemplo, o cliente queria o peixe inteiro e ele ia partido”, explicam. Palavra de pescador.
Encomendas no site
www.peixefresco.com.pt ou pelo telefone 96 130 0245, das 09.00 às 21.00, até às 17.00 de quinta-feira (a entrega é feita às sextas e sábados e é gratuita nos concelhos de Lisboa, Oeiras, Almada, Seixal e Sesimbra).

www.peixefresco.com.pt

Etiquetas:

1 Comentários:

Anonymous Anónimo disse...

Portela ficou ás escuras?!?!?!?

9:07 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial