15 outubro 2012

Rescaldo das Festas da PORTELA

Atendo ao êxito das Festas do ano passado em que o S.Pedro ajudou com bom tempo e temperaturas convidativas para que os portelenses saissem de suas casas e viessem ate aos arraias e às tasquinhas, veio este ano o Executivo da Junta tentar a mesma receita.
Na tentativa de melhorar a oferta de diversões e de apresentar as suas "tasquinhas", a  Junta de Freguesia da Portela «convidou» empresas de restauração dizendo que gostariam muito de contar com a a presença das entidades contactadas. Na segunda fase, do contacto pediam uma contribuição simbólica para a alegada aquisição de novos equipamentos. Numa terceira fase, impunha o valor da contribuição simbólica. Não são 5 euros, não 10 euros, não 20 euros, não 50 euros, não 75 euros, não 100 euros, 
DUZENTOS EUROS! OBRIGATÓRIOS.
Numa fase posterior, pediam 35 refeições para o pessoal que lá trabalhava. Nenhuma das novas condições existia no ano anterior. Mas a Junta, sempre acrescentando novas condições a cada nova reunião com as empresas de restauração justificava tais exigências materiais e monetárias com as novas estruturas da festa.
Conta quem la esteve que nenhuma estrutura nova foi criada e que estava tudo na mesma. Tudo. Em mau estado. Em muito mau estado. Já agora, o que se passou com o Pátio das Cantigas?


Etiquetas: , ,

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial