30 setembro 2006

Afinal os Tomates da Junta ainda lá estão

Toda a gente pensava que alguem ia arrancar os tomates. Ainda não.
Há que os deixar amadurecer.
Mas não há só tomates, tambem lá ha um canteiro com coentros e salsa.
já nos disseram que vão ser usados nas Festas da Freguesia na Semana da Gastronomia.

Quem diria que havia tomates na Portela

Na Portela - Já há Castanhas


QUENTINHAS E BOAS
É sempre uma festa quando aparecem os homens das castanhas. O fumo e o cheirinho a castanhas assadas são uma tentação para toda a gente.
Começa a crescer a agua na boca e ninguem lhes resiste.
As senhoras eram as mais entusiasmadas

... e é tambem pro menino e pra menina

A propósito da série TV2 da meia-noite!

O Portela dos Pekeninos foi solicitado para colaborar neste pedido



Nota - Passámos esta solicitação ao Portela das Matulonas

FUTSAL - Campeonato Nacional 2ª Divisão

Equipa da AMPortela de epocas anteriores


Começa hoje o Campeonato Nacional da 2ª Divisão de Futsal com a participação da Associação dos Moradores da PORTELA.
Este primeiro encontro realiza-se hoje 30 pelas 16h00 no Pavilhão Arco Iris da Portela contra a Juv. Fontainhas ( Albufeira).
Esta equipa foi a campeã da 3ª Divisão e com a qual a Portela ao vencer na epoca passada o ultimo jogo na Portela, garantiu a subida de Divisão.

29 setembro 2006

Hoje é o Dia do Solteiro

Mais de três mil solteiros estão já registados no site SpeedParty que tem como objectivo promover encontros entre pessoas descomprometidas. A nova forma de fazer amizades está a crescer e a prova é a instituição do Dia do Solteiro que se celebra, pela primeira vez, em Portugal, já esta sexta-feira.
«O número de participantes tem vindo a crescer. As pessoas vão passando a palavra. Já realizamos 15 a 16 eventos e os últimos têm estado esgotados. Mas para esta sexta-feira ainda há vagas», contou ao Porteladospekeninos Miguel Moreira, organizador dos eventos.
O Dia do Solteiro é proposto pelos organizadores com o lema: «se existe um dia dedicado aos namorados, porque não um dia especial para todos os solteiros?». As iniciativas do primeiro Dia do Solteiro implicam um almoço, um jantar, um speed dating e a festa do solteiro. Quem quiser participar tem que efectuar previamente a inscrição no site da organização.
O speed dating é uma forma de encontros em que os participantes têm oportunidade de se conhecer em apenas quatro minutos. Em seguida troca-se de parceiro e conversa-se durante mais quatro minutos. A iniciativa permite que em pouco tempo se conheça várias pessoas do sexo oposto e um possível par.
«A principal resistência que algumas pessoas têm é o facto de pensarem que os participantes são pessoas "desesperadas", mas na realidade são apenas pessoas que têm pouco tempo para fazer novas amizades. A maior parte dos participantes são sociáveis. E temos entre os nossos clientes professores, médicos e advogados», explicou Miguel Moreira.
Para os eventos de sexta-feira há um limite de 120 participantes distribuídos pelas várias iniciativas ao longo do dia. Os preços oscilam entre os 12 e os 30 euros. Só a festa do solteiro, que vai realizar-se no Café da Ponte, nas Docas de Lisboa, tem como único limite o espaço. A adesão também está condicionada à inscrição prévia.
Nota: do Publico

28 setembro 2006

Acidente nos Acessos à CRIL

Esta manhã o transito esteve interrompido nos acessos à CRIL

Com os chuviscos que se verificaram ,um camião fez " tesoura " e paralizou o transito que vinha do Entreposto para a Ponte e para o Tunel do Grilo.

Como se pode imaginar, originou um engarrafamento monstro.

26 setembro 2006

SIMPLEX



Não sei se conhecem mas a EDP, possui no seu site, um serviço de participações de anomalias na rede pública.
Isto é, o comum do cidadão, através de um acesso á internet, não tem necessariamente de ser sapo mas ajuda, pode participar qualquer anomalia que detecte na rede.
Uma máquina simpática, responde-nos, dizendo que o seu pedido foi registado e que será encaminhado para rápida resolução.
O serviço é (era) optimo e já por mim foi, várias vezes utilizado e, digo, com grande eficácia.
Pois bem, recentemente um dos candeeiros junto ao meu prédio "apagou-se".
Vai daí este pobre cidadão "pega" na internet e pimba, aqui vai participação e, novamente, a resposta simpática da máquina.
Passados uns dias recebo um telefonema da EDP dando-me conta de que, se houver avaria eles resolverão, se for só lampada então terei de participar á Junta de Freguesia.
Estranhei, mas pensei, deveria ser alguma liberalização do mercado de colocação de lampadas. Após deslocação ao local, a EDP volta a telefonar-me e comunica-me que sendo uma lampada fundida teria de fazer a comunicação à Junta de Freguesia.
Colocou-se a questão à Junta de Freguesia, informando-a do sucedido, não deixando contudo de mostrar toda a minha estranheza e admiração pelo (novo) processo.
Eis a resposta da Junta de Freguesia:
Dantes havia aqui uns rapazes da EDP, conhecidos, a quem a Junta ou os cidadãos comunicava as anomalias e que prontamente resolviam.
Agora que a EDP concentrou tudo em Lisboa ( onde é que eu já vi isto) as comunicações têm de ser para lá encaminhadas.
Como a EDP em Lisboa (um dia destes este atendimento será feito em Cabo Verde ou Brasil), não conhece a Junta de Freguesia da Portela ou a Rua Palmira Bastos e para não complicar a vida dos cidadãos, só recebe comunicações vindas da Câmara Municipal.
Complexo?
Assim caros amigos se tiverem ou detectarem uma anomalia na rede ( por exemplo como a que aqui descrevo) o processo de resolução é o seguinte:
1. Comunicar à Junta de Freguesia;
2. A Junta de Freguesia comunica à Câmara Municipal;
3. A Câmara Municipal comunica è EDP.
Se porventura, quando a EDP vier resolver a anomalia, vos telefonarem a perguntar onde fica, não se acanhem e MANDEM-NOS À M*RDA!
do Manel da Gaita do Piolho

20 setembro 2006

As maquinas ja começaram a trabalhar

Pormenores do reinicio da obra


Os taipais estão a ser colocados ...e ainda bem

Aqui vai nascer obra nova.

Operarios a fazerem os fixes para
acentar os contentores de obra






Um Uniloader New Holland
a capinar o terreno

Na PORTELA - Polícias da boa mesa e da cassete pirata

Andam armados e nunca tinham feito tantas detenções. Combatem o mercado paralelo e os restaurantes sem condições.

Na Portela foi assim no dia 14



“Ó sô Santos, não me vai fazer andar a correr atrás de si, pois não? Tou a pé desde as 4 da manhã e já tou cansado”.

Secas e firmes, as palavras do inspector da ASAE-Autoridade de Segurança Alimentar e Económica, um homem com cerca de 1,90, paralisaram A. Santos, suspeito de copiar ilegalmente CD e DVD para comercializar. No coldre do inspector, o revólver Smith & Wesson, calibre 38, descansou. Era perto do meio-dia.
O local do crime era uma loja no Centro Comercial da Portela, um dos três alvos da operação da ASAE, que decorreu na madrugada de quinta-feira passada. O resultado foi a apreensão de equipamentos altamente sofisticados para copiar CD (1100 numa hora) e DVD (400/hora), centenas de duplicados de filmes e jogos para a Play Station.
Os outros dois alvos da operação, que pretendia ser o desfecho de uma investigação que a ASAE iniciara há três meses, foram residências particulares, cujos moradores eram suspeitos de pertencerem à mesma rede da loja.
Às sete da manhã, em ponto, duas portas, separadas por 40 quilómetros, foram arrombadas por poderosos aríetes, com uma força propulsora de 200 quilos. Numa casa de habitação social, perto da Portela, em cujo interior nada mais que um colchão com lençóis enxovalhados, ainda quentes mas vazios, aguardava os homens das brigadas anticrime da PSP, que apoiaram a ASAE na operação.
Na outra casa, uma vistosa vivenda na Atalaia (Montijo), na margem Sul, o cenário foi outro para os militares do pelotão da GNR, que neste caso foi a unidade policial que apoiou a ASAE.
Um casal e uma criança de 4 anos acabavam de acordar quando foram imobilizados por oito elementos do pelotão de intervenção rápida da GNR. Não houve qualquer resistência e dois minutos depois os inspectores da Autoridade estavam a fazer a busca.
Numa das divisões da casa estava o material ilícito:

mais de um milhar de cópias de filmes e o respectivo equipamento de reprodução. No automóvel do suspeito, um BMW estacionado na garagem, 400 filmes copiados aguardavam para ser lançados no mercado.

Um Grupo de Jovens preocupados com o andamento das Obras

Grupo que se auto intitulou de " Irrequieto - Delin.Estudantes "















Este Grupo de Jovens aguarda com muita expectativa o andamento das obras.
Ontem estiveram presentes no Parque da Associação a ver o inicio das obras e a fazer os seus comentarios construtivos quanto ás zonas de lazer e ao ambiente sossegado que esperam vir a encontrar.
Alguns deles ainda não teriam nascido quando se deu inicio às fundações do edificio.

A Portela e a sua Associação de Moradores festejam o reinicio das Obras da Piscina


O olhar atentos dos seus dirigentes

Antonio Torres e Miguel Matias os actuais Presidente e Vice Presidentes da A.M.P.

A Portela e a sua Associação de Moradores festejam o reinicio das Obras da Piscina

Festeje tambem, ouvindo o

HINO da AMP
no side bar do blog

Nota: O Hino da AMP cantado por João Silva ( Xana ) cantor e compositor. Antigo atleta e um grande capitão de equipa

    Na Secretaría da AMP festejou-se o recomeço das obras

    Estes colaboradores vivem o dia a dia da Associação e comemoraram efusivamente os inicios dos trabalhos.
    Este pessoal já não acreditava nem na AMP, nem na Junta de Freguesia nem nos autarcas municipais.
    Houve alguem que sempre acreditou que naquele local nunca poderia aparecer outro bairro das pombinhas , outros lotes como os da saída para Sacavem ou um hipermercado.
    ( qualquer uma destas situações esteve eminente com o beneplacito dos nossos autarcas da Junta de Freguesia, felizmente ainda vivos.... que deverão ainda engolir as Piscinas pela cabeça abaixo)


    Jeronimo - Ralações publicas
    Pessoa que esteve
    obcessivamente descrente






    Armando Jorge
    - Jorginho-
    Coordenador do
    Futebol de 5
    aguardando o inicio das
    hidro-ginasticas



    A Dª Aida e Maria
    Bobil tratam da
    Higiene e Segurança
    dos Atletas





    Alexandre Silva
    - Xana -
    Chefe de Secretaria
    e Cantor Intervenção

    19 setembro 2006

    PISCINAS - O empreiteiro já se movimenta

    FINALMENTE.............recomeçaram as Obras da Piscina.
    De um PIDAC de 1989 e um inicio de obra em 1991, recomeçaram as obras 15 anos depois.
    Cartaz alusivo ao reinicio das obras , colocado ha uns 2 anos

    Já chegaram os sacos e os blocos de cimento. Tambem a malha sol. E o mais importante..... já apareceram os trabalhadores da S. Jose.

    Junto ao Parque Infantil já começaram a ser montadas as vedações de protecção à obra e ao estaleiro. Um contentor já lá se encontrava há tempos.

    PISCINAS DA PORTELA ........

    É desta...........É desta............É desta..........


    VISITA DO PRESIDENTE DA CÂMARA À PORTELA
    4 de Setembro 2006


    1ºplano - Miguel Matias, Carlos Teixeira (Pr.Cam.), Antonio Torres ( Pr. AMP) , Ferreira dos Santos, João Ramos 2º plano - Manuel Silveira, Reinaldo Martins, Antonio Baldo e Victor Figueiredo

    Na recente visita do sr. Presidente da Câmara à Portela, no dia 4 do corrente, tivemos a oportunidade de trocar impressões sobre o inicio das obras das Piscinas.
    Tambem no Almoço Convivio com gentes da Portela na 6ª feira dia 8, prometeu-lhes que era já no dia 15 que começariam as Obras.
    Parece que é desta.
    Vai ser já este mês de Setembro.

    A equipa da AMP que recebeu a delegação da Câmara de Loures

    Para a recuperação das zonas envolventes e do Parque Desportivo da Associação dos Moradores foi acordado começar de imediato a elaboração de um projecto de alterações.
    Estas alterações contemplarão a abertura do Parque da Associação a toda a população com o derrube das vedações. Continuidade da passagem pedonal do Jardim Almeida Garrett atraves do Parque.Novo plano de rega das zonas verdes. Recuperação das zonas verdes e respectivos tufos arboreos.
    Este projecto vai ser elaborado pelo Departamento competente da CML com a coordenação do Engº Vitor Figueiredo, o tecnico responsavel pelas zonas verdes.
    Da parte da Associação, alem da actual Direcção congratulamo-nos com o regresso do Engº Ferreira dos Santos que se dispôs colaborar neste projecto de alterações.

    14 setembro 2006

    ..e na Associação tambem

    A Dª Aida e a Dª Maria Bobil tratam bem das plantas



    é ver estes vasos de flores bem cuidados no tunel dos balnearios da AMP


    Nota: espera-se para breve a requalificação do Jardim da AMP

    Logo de manhã....



      Eram pouco mais das 8 horas da manhã e já o Sr. Manuel andava na sua "trotineta" corta relvas, a tratar do Jardim Almeida Garrett.
      É por isso que o Jardim é tão apetecivel.........

    13 setembro 2006

    Será alguem da Portela ?



    Patricia Tavares nas garras de um viciado em sexo.


    Já nos disseram que era um rapazão cá da Portela que tem mostrado belos desempenhos. É que na Portela ha bons artistas.Nunca foi gorda, mas assim vai ficar mais magrinha

    Notários boicotam advogados e solicitadores

    A Ordem dos Notários vai recomendar aos cartórios, públicos e privados, que recusem “todos os documentos autenticados por advogados e solicitadores”, como por exemplo procurações, escrituras e pactos de sociedades.
    Na origem do boicote está o Simplex, o pacote legislativo destinado à desformalização dos actos e que retirou aos notários, entre outras, a competência quase exclusiva para o reconhecimento de assinaturas.
    “A lei está mal feita. O legislador pretendeu atribuir competências que, afinal, a lei não permite”, limitou-se a explicar o bastonário da Ordem dos Notários, Joaquim Barata Lopes, remetendo os restantes esclarecimentos para a conferência de Imprensa marcada para esta tarde, durante a qual apresentará um parecer que fundamenta a recomendação.
    “Trata-se de uma punição ilegal, desafiadora das leis do Estado.” Foi desta forma que o bastonário da Ordem dos Advogados, Rogério Alves, reagiu à recomendação da Ordem dos Notários para boicotar documentos autenticados por causídicos e solicitadores. Frisando não conhecer ainda o teor da recomendação, Rogério Alves lembrou, porém, que “no Estado de Direito deve prevalecer a lei”.
    Fonte: Correio da Manhã

    Nota do Portelinhas: Sim senhor. Como os senhores notários acham que a lei está mal feita (porque os prejudica financeiramente), então há que boicotar a lei portuguesa.
    Muito bem, a partir de agora, sinto-me à vontade para boicotar todas as leis que me prejudiquem financeiramente.

    12 setembro 2006

    Os Tomates da JUNTA

    Muitos portelenses traçam rasgados elogios ao cuidado que é posto pelo Executivo da Junta na manutenção dos Jardins e Zonas Verdes da Portela.
    Nos ultimos anos virou moda a reposição de flores sazonais que duram o tempo que duram.

    Já são celebres as "Petunias da Geni".



    Não ha duvida que o colorido das várias especies de " Petunias" têm dado colorido e alegria à Portela. Quer nas Rotundas, quer em canteiros quer dependuradas nos candeeiros são realmente uma festa.


    No entanto alguem nos chamava a atenção para os Tomates da Junta.
    Não faziamos ideia do que seria. Seria para chatear a Presidenta?
    Isto fez-me lembrar a praxe de Coimbra em que se praxava o caloiro para ir à procura da raposa dos Gerais.No meio de milhares de azulejos dos Gerais, só la havia uma raposa. Levava horas a encontrá-la.

    Isto aconteceu ao " Portela dos Pekeninos ". Andámos, andámos... e lá encontramos os Tomates da Junta ou da "Geni". Estavam bem escondidinhos.

    As Piscinas naturais da Portela

    Para satisfação de alguma criançada
    O perigo espreita

    Para comemorar o inicio das obras das Piscinas da Portela e com o calor que fazia, estas crianças resolveram dar uns mergulhos no lago do jardim Almeida Garrett.
    Alheias ao perigo e ao chamar de atenção, lá andaram dentro de agua umas duas horas.

    Nota: ...por acaso a agua tinha sido mudada no dia anterior e estava transparente. Ainda

    O BEBEDOURO do Jardim

    Normalmente este bebedouro é utilizado pelas crianças


    Em certas alturas do dia passa a ser utilizado pelos cãezinhos e seus donos que acabam por afugentar as crianças.

    Está mal...pois está mal. Está mal...pois está mal.


    Nota: Daqui a uns dias pomos aqui uma foto dum cãozinho a mostrar as suas habilidades amestradas.

    11 setembro 2006

    O Marco do Correio

    Será que ainda funciona??


    Ao tempo que este marco na Alameda da Associação se encontra sem o " seu horario " de funcionamento . Até ha quem pense que já não se encontra em funcionamento.

    Alguem nos disse que tem de ir ao Centro meter as cartas, não vá o diabo tecê-las.

    10 setembro 2006

    Veteranos brilham no Polidesportivo da Portela

    A saude está primeiro




  • 1-Antonio Gouveia numa jogada extraordinária que deu golo !!!
    2- Os atletas já no Jardim Autarquico ( Antonio Gouveia, Rui Pereira, Eduardo Tomaz e Luis Cohen)



  • 1- Atletas de eleição
    2- Os capitães das equipas com os seus treinadores ( Ferreira dos Santos, Antonio Gouveia, Carlos Lorga e Moreira da Silva )

    É assim que estes veteranos a tratam aos domingos de manhã.
    O reporter esteve este fim de semana com eles e já não via alguns destes atletas há uns anos.

    FUTSAL - Grande Final do Torneio de Loures

    Final do jogo e felizes com a conquista do Torneio

    PORTELA vence AMSAC por 5-3....PORTELA vence AMSAC por 5-3....PORTELA vence AMSAC por 5-3....



    O nosso reporter para o FUTSAL esteve presente na Tribuna Presidencial hoje ( às 18h00) no grande derby dos jurassicos no Pavilhão Paz e Amizade em LOURES.

    PORTELA Vence Torneio.... PORTELA Vence Torneio....PORTELA Vence Torneio....

    Mantivemos total independência na forma e no respeito que os factos apresentaram!

    FUTSAL - Taça do Concelho está de volta


    Anualmente, as equipas de futsal do concelho de Loures batem-se entre si pela conquista da Taça do Concelho de Futsal, o principal evento desta modalidade organizado pelo Município.
    De 21 de Agosto a 10 de Setembro, o espectáculo está de volta.
    Depois da vitória da Associação de Moradores de Santo António dos Cavaleiros na pretérita edição, este ano uma dúzia de colectividades do concelho, em representação de nove freguesias (Bobadela, Loures, Portela, Prior Velho, Sacavém, Santa Iria de Azóia, Santo Antão do Tojal, Santo António dos Cavaleiros e Unhos), vão lutar pela conquista da 3.ª edição da Taça do Concelho de Loures em futsal.
    O “desporto-rei” do Concelho de Loures estará representado pelas formações do G.S. Loures, Manjoeira, Bobadelense, Fima/Lever/Iglo, Atlético de Via Rara, Santa Iria, AMSAC, Priorenses, Unhense, Associação de Moradores da Portela, SG Sacavenense e S.C. Pinheiro de Loures, que, em conjunto, lutarão pela conquista do troféu.
    Deste modo, nos dias 21, 23 e 26 de Agosto, os pavilhões José Gouveia (São João da Talha) e António Feliciano Bastos (Loures) acolherão os jogos da primeira fase, que contempla quatro grupos de três equipas.
    Os vencedores de cada agrupamento encontrar-se-ão no dia 9 de Setembro, nas meias-finais, marcadas para o Pavilhão Paz e Amizade.
    No dia 10, decorrerão os jogos de atribuição do 3.º e 4.º lugar ( Unhense x Sacavenense ), seguindo-se a grande final, AMP x AMSAC aprazada para as 18 horas, também no Pavilhão Paz e Amizade, em Loures.

    09 setembro 2006

    O Novo EXPRESSO

    O novo Expresso



    O jornal Expresso anda a anunciar o novo "figurino" como o maior acontecimento no país a seguir ao 25 de Abril.
    Já chegaram a afirmar que o anterior e o número de hoje são os grandes acontecimentos na história de Portugal. Eu nunca vi um jornal tão vaidoso e que se auto-elogiasse tanto.
    Daqui a pouco vou sair de casa e vou comprar o tal "Expresso" ao quiosque.
    Aproveito tambem e vou espreitar o " SOL"

    08 setembro 2006

    As Rampas da Portela














    Rampa de acesso à Rua Palmira Bastos

    Hoje a legislação já contempla a obrigatoriedade de se eliminarem barreiras à livre circulação de deficientes.
    Quando esta Urbanização foi projectada, nada disto era lei nem era moda e não era considerada necessidade primária.
    A primeira rampa- escadaria, pos urbanizador e pos Severiano Falcão foi mandada construir e entregue ao povo( hehehehhehe ), na altura pela presidente interina Heloisa Aguiar, no topo da Rua Palmira Bastos. Ate se fizeram umas floreiras.








    Rampa da Alameda da Associação Moradores
    Tambem e por obra e graça da Associação de Moradores foram feitas as rampas e escadarias da Alameda da Associação que liga a Av. dos Escritores ao Centro Comercial.
    Para quem não sabe, a Associação ( AMP) com a ajuda da Arqª Antonia da Camara de Severiano Falcão é que planearam, riscaram e projectaram aquela Alameda à revelia da ordem instituida.
    Á boa maneira do PREC, a câmara deu os materiais principais e a AMP deu e pagou a Mão de Obra.Para memoria futura, relembra-se que o encarregado da obra foi o Sr. Correia que pertenceu aos corpos gerentes da AMP e era morador na Torre ao lado.

    Isto vem a proposito da rampa ( que parece uma rampa de lançamento ) que foi construida recentemente e encostadinha ao celebre Lote 69.
    É uma rampa que tem e ha-de ter a sua utilidade.....mas.


    Nova rampa encostada ao Lote 69
    A alameda que fica no topo dos lotes 60 é uma via de atravessamento e utilidade pedonal com intensa servidão. A sua largura desafogada permitia uma ampla circulação e mais importante, tinha largura suficiente para ser percorrida e atravessada por viaturas de emergência.
    Agora não. A rampa veio obstruir em metade essa alameda.
    Será que alguem responsavel autorizou tal alteração ? No projecto do predio a rampa não deveria estar contemplada.
    Mas ATENÇÃO......ainda há remedio apesar de não ser a ideal.

    Para quem se sentir reponsavel por tal......é mandar efectuar um alargamento para o declive dos pinheiros mansos, por forma a poder circular uma viatura de emergência e para que duas pessoas carregadas com compras se possam cruzar. Se não .... ainda ha que montar sinais luminosos.




    Nota: Lembram-se de um fogo ha uns anos, numa cave dum predio ao lado do 69? Onde parquearam e circularam tambem os bombeiros e as ambulancias?

    Manifestos do Forum - 2

    Do Forum da Portela, fizemos um copy do post feito em Julho pelo Dr. Miguel Matias.
    Este post merece toda a atenção, pois o seu autor foi um nado - criado, atleta e dirigente desta Portela.
    Pai já de duas criancinhas, manifesta-se realmente preocupado com o que se passa por cá.

    Meus Caros:
    Preocupa-me, para além do muito já mencionado, a falta de atenção com o futuro do nosso bairro.Sabendo que muita, mas mesmo muita gente tem regressado à Portela ou vindo pela primeira vez, gente essa que, como é normal tem filhos, devia ser preocupação primeira a protecção das nossas crianças(naturalmente que ponho aqui em primeiro apenas porque é delas que agora falo mas, em primeiro devem ser, além das crianças, também os idosos).
    Tenho reparado, assistido e até vivenciado, a forma como se lavam literalmente as mãos dos problemas.Falo da segurança das escolas, falo da abertura e fecho das escolas, falo do acesso fácil às escolas e, quanto ao que aqui importa, falo da exposição clara das crianças que entram e saiem directamente para a via pública.
    Dou o exemplo que é o meu: Escola primária e jardim e infância junto ao centro. Acesso directo de um portão para onde e de onde entram as crianças, para a via pública. Distância: 4 metros.Não só via pública mas, com preocupação, uma das artérias mais movimentadas da Portela.
    Quem faz?Quem olha?Quem protege e repara?
    Se escrever a um dizem-me que a "competência" é de outro(termo jurídico/administrativo criado pelos serviçais públicos para afastar das costas as moscas que os incomodam).
    Se fôr a outro diz-me com o ar mais condescendente do mundo, embora com alguma impaciência no olhar: "não tenho verba, houve cortes, é a crise, o que é que quer".
    O que quero!!! Pergunto: o dinheiro público de quem é?
    Pergunto: as opções, as escolhas, abedecem a que critérios? Ausculta-se a população (não é assim tanta) sobre o sítio onde quer que se meta o dinheiro (que é seu)?
    Custa muito dinheiro mandar fazer uma barreira amovível para que as crianças não se atirem para a estrada?
    Será que é preciso requerimentos, visões estratégicas, orçamentos, mapas e demonstrações para algo tão simples?E, sabem uma coisa engraçada!
    Se nós, povo, orgulhoso povo, não participamos é porque nos alheamos e não manifestamos interesse, se nos preocupamos, escrevemos e manifestamos a nossa opinião (que julgamos livre embora com respeito por todos), zangam-se.
    Amofinam-se porque acham, além de tudo, injusto....Imagino como vão ficar se porventura lerem estas palavras...Ora, digo isto com a propriedade de ter dado (e com muita alegria e orgulho) algum do meu tempo à nossa Portela, que estou desalentado, estou triste, estou desiludido. Com todos.


    Outra situação escabrosa: os cães, os jardins, o cócó, a saúde pública, o incumprimento da lei e a impunidade total. Todas no mesmo saco, mistura-se e dá o que dá... nada, nada mesmo. Fica como está, com a justificação que se quer dar e que nos deve calar (julgam eles).
    E não pensem, por favor, que estou com isto a manifestar-me contra os cães e o seu democrático direito à livre defecação. Não! Eu gosto muito dos cães, não gosto é dos donos e dos políticos. Ou, nalguns casos dos mesmos que são políticos e têm cão...Pergunto, agora em tom mais sério: a verba, o dinheiro (que é nosso, lembro a quem já esqueceu), não deveria servir para suportar o custo de um guarda que fizesse cumprir a Lei?
    Que autuasse quem, prevaricando, não apanhasse o cócó do chão e o metesse num saco? Quanto custa curar uma doença que uma criança, um adulto, possa apanhar por contacto com fezes infectadas com uma bicheza qualquer? Um cócó de um cão não vacinado deve ser quanto baste...Quanto é que se gasta em manutenção de jardins e vasos (de qualidade pessoal e discutível... esse montante não podia ser canalizado para isto! São só perguntas que se destinam a provocar a preocupação e o cuidado.

    (sabem uma outra coisa: as democracias directas primitivas que pensávamos só subsistiam em comunidades pequenas, rurais e recônditas, afinal, estão a manifestar-se como sendo as mais puras e avançadas formas de participação popular. Perguntar a uma população o que quer que o político faça com o seu erário, a sua terra, o seu bairro, custa muito!


    Não há verba, eu sei...Bolas!!!

    Farmacias da PORTELA

    Fazendo o link entra no site da J.F dando um mapa das farmacias de serviço na PORTELA

    Farmacia Pedro
    Localizada no exterior do Centro junto à entrada do Concordia

    Farmacia Paula Campos
    Localizada no interior do Centro, com entrada pela porta principal do lado da Associação


    Farmacia Nova da Portela
    Localizada no exterior na rotunda da Av. das Escolas